Sindicato dos Trabalhadores na Área de Trânsito do Ceará

Servidores estaduais protestam por melhorias no Issec

Um grupo de aproximadamente 120 servidores do Estado ocupam a sede do Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará (Issec), onde protestam contra o serviço prestado pelo instituto. A ocupação do prédio aconteceu durante a manhã desta sexta-feira (6) e não tem prazo para ser encerrada.

Os representantes se mobilizaram em frente à sede do Issec, localizada no Centro de Fortaleza, no início da manhã. Por volta de 10h, no entanto, o grupo forçou a entrada no prédio e ficou à espera de um representante do Governo do Estado, para que houvesse uma reunião.

Segundo o Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (Fuaspec), os hospitais que atendiam pelo Issec, como o Cura D´ars, Uniclinic e São Raimundo, suspenderam a assistência em decorrência da falta de repasses do Governo. Com isso, cerca de 160 mil pessoas, entre servidores, aposentados, pensionistas e familiares, alegam estar sem assistência médica.

Classe com maior representatividade, com cerca de 80 mil representantes, os militares estão entre os mais prejudicados. “De novembro pra cá, o Governo cessou o repasse aos hospitais conveniados, deixando os servidores, como policiais militares e bombeiros, à mercê da sorte. Além da violência que assola os companheiros, não tem sequer atendimento à saúde”, ressalta P. Queiroz, diretor-presidente da Associação dos Praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (Aspramece).

“O policial que tem família mais abastarda consegue juntar alguns recursos e faz um plano particular. Se não, vai para a vala comum, como qualquer indigente desse País”, dispara P. Queiroz. 

Outra categoria que esteve presente no protesto foi a dos agentes penitenciários. “Nós exercemos a segunda profissão mais perigosa do mundo e a primeira mais estressante. A gente está em conflito diretamente com os bandidos e, a toda hora, estamos precisamos dessa assistência”, ressalta Valdemiro Barbosa, presidente do Sindicato dos Agentes e Servidores Públicos do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp-CE).

Ao todo, servidores de 36 entidades ligadas ao Fuaspec necessitam dos serviços da Issec.

Fonte: Diário do Nordeste

Outros Posts

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Filiação TV SINDETRAN Assistência Jurídica Últimas Notícias